HONDA AFRICA TWIN GANHA ANDROID AUTO; BRASIL TAMBÉM RECEBE RECURSO

HONDA AFRICA TWIN GANHA ANDROID AUTO; BRASIL TAMBÉM RECEBE RECURSO

Moto será a segunda da fabricante a contar com tecnologia que espelha smartphones com sistema operacional do Google

 Por Gabriel Carvalho 


Foto: Divulgação

A nova geração da Africa Twin, que ganhou o nome CRF 1100L Africa Twin, traz uma série de novidades além do visual renovado e o aumento na cilindrada – na nova geração, são 1.084 cm³, contra 999,1 cm³ na geração anterior. 

Além do provável aumento de potência e torque – no exterior, a CRF 1100L Africa Twin entrega 102 cv a 7.500 giros e torque de 10,7 kgf.m a 6.250 rotações por minuto – a nova geração da bigtrail da fabricante também ganha um novo painel, do tipo TFT.  

Com a introdução do painel, a aventureira ganha mais um recurso importante nestes tempos cada vez mais modernos: a compatibilidade com o Android Auto. 

No Android Auto é possível espelhar smartphones com o sistema operacional do Google no painel da Africa Twin e utilizar recursos de navegação, por exemplo. Na versão 2021, a bigtrail da Honda já estava saindo de fábrica com o concorrente do Android Auto, o Apple CarPlay. 

A introdução da novidade faz com que a Africa Twin seja o segundo modelo da Honda que oferece compatibilidade tanto com o Android Auto como com o Apple CarPlay – a primeira foi a Gold Wing. 

E, assim como aconteceu na Gold Wing, a Africa Twin vendida no Brasil também vai ganhar o recurso. O MOTO.com.br entrou em contato com a Honda, que confirmou que a CRF 1100L Africa Twin vai chegar ao mercado com o Android Auto. 

No final do ano passado, a Honda confirmou que a CRF 1100L Africa Twin desembarca por aqui ainda em 2021. Além do motor maior e do Android Auto, a moto chega com a opção do câmbio automático do tipo DCT, que já é utilizado no maxiscooter X-ADV e na Gold Wing. 


Fonte:
Equipe MOTO.com.br